Festival de Veneza 2016

O Festival de Veneza 2016 já acabou e eu trouxe os looks de destaque que passaram pelo red carpet, pois se tem evento de cinema, vestidos bonitos e gente estilosa são coisa certa!

amy-adams-nocturnal-animals-premiere-at-73rd-venice-film-festival-03-662x995

Amy Adams usou um vestido coluna de uma manga só todo em em paetê dourado. Caiu muito bem com o cabelo ruivo!

barbara-palvin-la-la-land-premiere-at-73rd-venice-film-festival-03-662x993

Acho a Barbara Palvin uma graça e o vestido sereia branco ficou super gracioso nela!

carmen-chaplin-jackie-premiere-at-73rd-venice-film-festival-01-662x993

Super amei o vestido preto tomara que caia da Carmen Chaplin! O tecido é lindo e o modelo a deixou mega elegante!

carolina-crescentini-hacksaw-ridge-premiere-at-73rd-venice-film-festival-01-662x993

Carolina Crescentini apostou num visual super romântico, tanto no vestido ( apesar do decote sexy) como no penteado bagunçadinho

catrinel-marlon-kineo-diamanti-award-ceremony-at-73rd-venice-film-festival-02-662x993

Nem conhecia Catrinel Marlon, mas adorei que ela chegou chegando. As pessoas não curtem muito vestidos marrons, mas ela mostrou como você pode usar a cor com muito estilo!

dakota-fanning-brimstone-premiere-at-73rd-venice-film-festival-21-662x993

Sempre fico em dúvida nos looks da Dakota Fanning, mas esse eu gostei assim que vi! O vestido de alças finas é ótimo para quem tem o busto pequeno e os paetês maiores deram um toque bem sereia ao modelo, com uma impressão meio holográfica.

gemma-arterton-the-young-pope-premiere-at-73rd-venice-film-festival-08-662x993

Gemma Arterton causou! Amaria 100% se o vestido fosse longo até o chão, mas já está de parabéns!

sonia-bergamasco-la-la-land-premiere-at-73rd-venice-film-festival-19-662x995

Demorei um tempo para aceitar que vestidos em tons de nude + pele bem clara casavam bem. Mas agora gosto muito e até achei Sonia Bergamasco uma das mais bonitas!

natalie-portman-jackie-premiere-at-73rd-venice-film-festival-04-662x993

Natalie Portman e Preto e Branco: tem como dar errado?

naomi-watts-the-bleeder-premiere-at-73rd-venice-film-festival-11-662x995

Se é Elie Saab eu já amei, então não poderia ser diferente o look da Naomi Watts, né? Ela conseguiu mostrar que fenda + bordados ainda pode ser uma boa opção.

hofit-golan-nocturnal-animals-premiere-at-73rd-venice-film-festival-07-662x995

Mas se quiser optar por um visual mais princesa, é só se inspirar na Hofit Golan, que usou um modelo do estilista português João Rôlo.

sophie-turner-hacksaw-ridge-premiere-at-73rd-venice-film-festival-03-662x995

Poderia ser um comprimento ingrato, mas não foi! Sophie Turner arrasou com um vestido preto e branco justo, dando destaque ao quadril, e com decote que valoriza seios pequenos.

sonia-rolland-nocturnal-animals-premiere-at-73rd-venice-film-festival-04-662x995

Apenas repare como o vestido branco ficou maravilhoso contrastando com o tom de pele da Sonia Rolland… O caimento do modelo e seu estilo vaporoso a deixaram ainda mais linda!

diane-kruger-the-infiltrator-premiere-at-42th-deauville-us-film-festival-07-662x995

E o melhor eu guardei por último… hahaha. Diane Kruger de Elie Saab, quase uma Rainha de Copas! Aliás, ela tem usado looks lindos ultimamente, viu? Querem post?

Qual seu favorito?

C&A e Elle

Acho que a peça mais famosa do guarda-roupa feminino é o vestido preto, né? Serve para qualquer ocasião, pode ser modificado totalmente dependendo dos acessórios usados e fica bem em todo mundo! E foi essa peça a escolhida para a coleção cápsula da revista Elle em parceria com a C&A (que, vamos combinar, é mestra na arte de fazer parcerias).

998x340_elle_vem_ai

Foram escolhidos 7 modelos do little black dress, o famoso LBD, nosso pretinho básico, cada um representando uma década desde os anos 1940 até os anos 2000, com as principais tendências que os resumem. É um resumo da moda que representa também os 70 anos de criação da revista. Bacana, né? Agora dá só uma olhada nos modelos:

1

A modelagem dos anos 40 é acinturada, saia evasê e mangas com volume, além de um franzido na região dos seios que os valoriza com delicadeza.

2

O vestido dos anos 50 representa o New Look de Christian Dior. Possui saia godê, decote canoa e, aparentemente, é produzido em um tecido acetinado. Na foto da esquerda não consegui enxergar esse detalhe, então não sei confirmar, porém no lookbook parece que sim. De qualquer forma, ambos são lindos! Meu favorito…

9

Nada melhor que um tubinho para representar os anos 60, né? Totalmente Jackie O!

4

Com modelagem ampla, o modelo dos anos 70 lembra o conforto e a liberdade buscada na época através do movimento hippie.

5

Como fazer um modelo básico que representa uma década marcada pelos exageros? Pois eles acertaram em cheio com essa peça de mangas longas e detalhes em zíper que trazem informação sem tirar a versatilidade do LBD.

6

O minimalismo da década de 90 se faz totalmente presente no vestido! O modelo tomara-que-caia que fez sucesso com o toque sensual da fenda lateral se encontram com estilo de sobra.

8

E para os anos 2000, um vestido com decote nadador e um leve mullet na saia.

Adorei todos! Mas também, C&A e Elle não tinha como dar ruim, né? Gostaria muito de prová-los para ver o caimento, acabamento, etc, mas não sei se virá para a loja da minha cidade… #chatiada

Além dos vestidos, a coleção também conta com outras peças básicas, como camisetas, cardigãs e peças de alfaiataria. Veja algumas:

3

A coleção entra no site amanhã e também na loja do Shopping Iguatemi, em São Paulo. Nas outras lojas selecionadas ela chega no dia 23 de agosto. E o preço? Varia entre R$ 39,99 e R$ 199,99, sendo este o de todos os vestidos. Muito bom, fala a verdade?

Gostaram? Qual seu favorito?

Bridal Fashion Week Spring 2017

A Bridal Fashion Week aconteceu há alguns dias e é claro que eu ia falar disso por aqui né? Pra quem ainda não notou, sou louca por casamentos… hahaha

Nesta temporada, diferente da última, os ombros cobertos apareceram em destaque, assim como os modelos super clássicos, até um pouco retrô, tecidos leves, muitas fendas e recortes estratégicos e muitos modelos curtos e mullet. Mas acho que a principal supresa foram as calças, que apareceram nas coleções de vários estilistas, trazendo certa modernidade ao visual das noivas. Obviamente todos esses detalhes se mesclam aos bordados, detalhes e ao romantismo que sempre estão presentes quando se fala em vestido de noiva.

Dá uma olhada no resumo do que foi apresentado:

Oscar de la Renta

Como as mulheres possuem os mais diferentes estilos, a grife decidiu criar peças que ficam entre o estilo ladylike e algo mais contemporâneo, deixando a extravagância original da marca para algumas peças, enquanto outras carregam esse DNA em apenas alguns detalhes.

3 1

Carolina Herrera

Carolina Herrera transita entre o fashionista e o convencional, sempre prezando pelo lado mais feminino dos dois. Rendas, laços e crepe seda anunciam uma noiva tradicional sem perder o charme particular.

1 3

Lela Rose

Simplicidade é a palavra chave aqui. Mas que fique claro, simples nem sempre é simplório e os modelos da grife mostram isso com cortes bem feitos, tecidos nobres e peças totalmente atemporais pela leveza que exalam.

1 2

Marchesa

Na Marchesa, exuberância sempre foi o tema. Com o tema dos contos de fadas, muitas flores, detalhes, rendas e apliques formam peças atuais e ao mesmo tempo remetem aos vestidos hiperbólicos da realeza do passado.

1 2

Temperley London

O estilo boêmio dá as caras aqui, com silhuetas em destaque e modelos com inspirações nas décadas passadas.

1 2

Naeem Khan

O estilista indiano recorreu ao seu país de origem para se inspirar nesta temporada. É possível ver muitos detalhes da moda indiana expressas nos modelos, porém sem os deixar caricatos.

2 3

Monique Lhuillier

A constante inspiração da grife é a natureza, sendo dessa vez o jardim do centro de Ladurée o seu cenário. Aqui as noivas são ninfas que caminham entre flores com sensualidade e mais naturais, tendo o design de princesa sido deixado um pouco de lado.

2 3

Reem Acra

O estilista descreve a coleção como “onde a tendência começa e a tradição continua.” Ou seja, temos peças com certa informação de moda bastante atuais e ainda assim conseguem ser clássicos, tornando as noivas verdadeiras princesas modernas.

1 2

Houghton

Como definir? Texturas e camadas!

1 3

Angel Sanchez

Angel Sanchez descreveu a coleção como “vestidos tradicionais com um toque moderno.” Parece uma ideia batida, porém nas mãos de quem sabe fazer, é sempre uma boa inspiração. Artesanato e tecnologia dividem espaço e formam peças que deixam espaço para a imaginação.

1 2

Anne Barge

A estilista distingue esta coleção da última dizendo que esta está mais leve, mais vaporosa. Os modelos foram feitos para uma noiva elegante, com um toque Deco.

1 2

Jenny Packham

Adoro os modelos dela! Sempre acho meigos e delicados!

A estilista buscou uma noiva não convencional, com modelos projetados para cerimônias mais despretenciosas, como para um casamento de jardim no verão. Com o tema rústico, o branco foi deixado de lado para dar lugar ao off-white.

2 3 4

Elie Saab

Meu favorito desde sempre! Aqui vou roubar e colocar muitas fotos, pois estou apaixonada!

Elie Saab não tem medo de grandiosidade, do glamour e da expressividade. Rendas, tules e bordados sempre fazem parte da coleção, porém o estilo do estilista vem sendo reinterpretado a cada temporada, trazendo modernidade nos detalhes, sem deixar de lado a essência viva das peças.

1 2 3 4 5 6

Gostaram?

Oscar 2016 – After-parties

Ai, gente… Não dá uma raiva quando vocês gostam mais dos looks das after-parties do Oscar do que dos da premiação? Fala sério, como pode uma coisa dessas? Não sei se vocês já cansaram do assunto, mas eu precisava trazer pra vocês os looks lindos que apareceram nas festas depois da premiação.

3

Sofia Vergara estava no estilo de sempre, com vestido mais colado, porém gostei bastante da cor e do cabelo preso que deram destaque aos acessórios.

Nikki Reed escolheu um estilo gótica suave na década de 20. Achei diferente e ousado, curti.

Meu povo, fala se esse vestido prateado não realçou super a Naomi Campbell? Quem disse que pele quente só combina com dourado? Taí ela pra nos mostrar que prata rola super também… E o modelo tem um shape poderoso, né?

6

Aff, chegou a me dar uma gastura ver a Alicia Vikander muito mais linda e elegante na festa da Vanity Fair do que na própria premiação. Olha que maravilhosa ela nesse vestido preto brilhante… Pra que ir fantasiada de Bela (veja aqui)?

Brie Larson foi bem nhá. O modelo até que é bonito, mas veludo salmão? Sério mesmo?

Demi Lovato estava poderosa nesse pretinho meio sereia das trevas.

1

Lea Michelle esqueceu o forro do vestido, mas nem isso a impediu de brilhar. Adorei!

Sarah Hyland estava tão diva que até parecia uma indicada! Quero um corpo desse pra poder usar esses modelos lindos…

O look da Lana del Rey estava ótimo, diferente das camisolas que ela usa costumeiramente, mas a cara de sono parece que não tem como mudar mesmo…

2

Outro exemplo de vestido que merecia ter aparecido no red carpet é esse da Malin Akerman, que nem sei quem é, mas já adorei.

E o que falar desse look fresh, moderno e despretensioso com elegância da Jessica Alba? Quero copiar já!

Fiquei um tempo olhando esse vestido da Amy Adams até decidir que gostei… hahaha

5

Vestido inteiro de brilho (ainda mais com fendas e recortes) pode ser um grande erro ou um grande acerto, que foi o caso da Kate Hudson.

Kate Beckinsale mostrando como é o visual de quem nunca teve o cartão rejeitado na maquininha.

E quem também apostou no visual com estilo da década de 20 foi Lily Collins. Costumo adorar os looks dela e dessa vez não foi diferente…

7

Jennifer Lawrence fez a dobradinha da beleza, pois acertou no red carpet e na after-party. Como ela costumava usar aqueles modelos horríveis da Dior, dá até pra glorificar de pé esse pretinho recortado!

Agora quanto a Heidi Klum, deu vontade de olhar bem profundamente nos olhos dela e perguntar: por que você não usou esse vestido maravilhoso na premiação???

Outro pretinho recortado mostra a evolução fashion da Taylor Swift.

4

E agora as minhas favoritas…

Diane Kruger escolheu um modelito com franjas, transparências e bordados, o que pode ser uma combinação perigosíssima, porém nesse caso não ficou com excesso de informação, mas sim linda e poderosa!

Hailee Steinfeld usou um Elie Saab preto nada básico MESMO. Só o fato de ser ES já poderia o colocar na minha lista de favoritos, mas o modelo é tão lindo que me ganha duas vezes.

E falando em Elie Saab, Nina Dobrev quase me mata com esse vestido rosé divino!

Gostaram? Qual seu favorito?

Coleção Disney Alfred Angelo

Só mais um post de noivas, tá? Eu prometo! hahahaha

Mas não poderia deixar passar a nova coleção de noivas Alfred Angelo com inspiração na Disney! Já fiz post sobre o tema aqui no blog (se não viu, está aqui), pois amo as coleções. Noivas + Disney? A Sílvia pira! hahahaha

Disney Logo_Slider Size

A coleção 2015 estava linda e eu super amo os ensaios de divulgação dos modelos:

Cinderela

2

Cinderela

Edição Especial (foi o vestido de noiva usado no filme Cinderella de 2015)

1

Ariel

3

Rapunzel

4

Bela Adormecida

9

Bela

Meu favorito 2015 ♥

8

Tiana

7

Jasmine

6

Branca de Neve

5

Elsa

251_Slider Size

Agora na Bridal Fall 2016 foi apresentada a nova coleção e, é claro, eu já fiquei suspirando…

10

Cinderela – Ariel

11

Bela – Jasmine

12

Tiana – Branca de Neve

13

Elsa – Bela Adormecida

E o meu favorito da vez, o da Rapunzel:

NEW YORK, NY - OCTOBER 07: A model walks the runway during 2016 Alfred Angelo Disney Fairy Tale Weddings Bridal Collection fashion show debut on October 7, 2015 in New York City. (Photo by Slaven Vlasic/Getty Images for Alfred Angelo)

Veja aqui o vídeo do desfile:

Agora é só esperar o novo ensaio sair, aí eu compartilho aqui com vocês!

Bridal Fall 2016

Estão cansados de Fashion Weeks? Mas não poderia deixar passar o Bridal Fall 2016, pois eu simplesmente tinha que comentar os desfiles de outono de noivas! hahahaha

Badgley Mischka

Nessa temporada, a grife adicionou uma pitada de energia latina aos modelos com inspiração na Buenos Aires da década de 1950. Rendas, tule e organza foram utilizados para dar bastante movimento.

Badgley Mischka

Monique Lhuillier

Independente da época e da estação, o floral sempre cai bem nos vestidos de noivas e foi a aposta da grife. Combinado com os tons e as modelagens escolhidas, o resultado era leve.

Monique Lhuillier

Inbal Dror

Por outro lado, aqui os modelos muito sensuais, com rendas, transparências e fendas elevaram o estilo para uma noiva mais sexy.

Inbal

Marchesa

O estilo da grife já é bem estruturado, então não havia surpresa nos modelos tradicionais de silhueta e tecidos delicados.

Marchesa

Reem Acra

Uma linha tênue entre a suavidade e a sensualidade foi a escolha aqui. De um lado, a estrutura das lingeries, de outro, saias fluidas.

Reem Acra

J. Mendel

Tradicional é a palavra na coleção da grife. Modelos básicos para atravessar épocas.

J. Mendel

Lela Rose

Floral e divertida foi a escolha para os modelos. Graciosos e jovens, são encantadores.

Lela Rose

Anne Barge

Remando contra a maré da sensualidade, a grife aposta na elegância e no visual tradicional.

Anne

Carolina Herrera

Sinônimo de noiva fashion, é bem versátil e consegue ir do tradicional ao sensual sem sair da essência da grife.

Carolina

Gostaram?